Banho frio e menos carne são alternativas à inflação – Estadão

família-325x183

A funcionária pública Soraya Gaspar, que vive em Salvador, reduziu as idas aos shoppings e o uso dos eletrodomésticos. Seu marido, Salassier Oliveira, diminuiu as compras de carne vermelha e até começou a tomar banho frio para fazer com que as despesas se encaixem no orçamento da família.

“Temos evitado passear nos shoppings, porque a comida está cara. Se entrar no cinema tem a pipoca, as balas e os chocolates. Além disso, sempre dá aquela vontade de comprar uma blusa, um vestido. Temos evitado o que podemos”, conta Soraya, que trabalha na Prefeitura de Salvador.